Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns segundos...

Notícias do Varejo

07
Maio 2018

Vendas devem crescer 4,5% para o Dia das Mães

As vendas para o dia das mães – 13 de maio – deverão crescer 4,5% no comércio do Distrito Federal contra 3% do ano passado. A estimativa é do Sindicato do Comércio Varejista, que reúne 30 mil lojas de rua e de shoppings.

Roupas, calçados, perfumes, cosméticos, flores e objetos para o lar serão os produtos mais vendidos. No entanto, a procura por aparelhos de televisão tem crescido por força da Copa do Mundo, que começa dia 14 de junho na Rússia, para terminar em 15 de julho.

Muitos filhos pretendem presentear as mães com televisores de última geração, cujos preços variam de R$ 2.650 a R$ 28 mil, dependendo das polegadas.

Queda da inflação beneficia consumidor e lojistas

O presidente do Sindivarejista, Edson de Castro, disse hoje que “o cenário econômico melhorou muito de 2017 a 2018. Os juros caíram e a inflação despencou para 2,68% no acumulado dos últimos 12 meses. 

Esses dois fatores contribuem para aumentar o consumo, gerando empregos e renda”.

As vendas mediante cartões de crédito devem responder por 95% do faturamento do comércio e há lojas dilatando os prazos de pagamento para estimular o consumo.

O gasto médio com presentes pode chegar a R$ 160 contra R$ 157 do ano passado, diz levantamento do Sindivarejista, que ouviu lojistas do Plano Piloto e de cidades-satélites.

Para muitos comerciantes, o Dia das Mães é considerado o Natal do primeiro semestre, movimentando aproximadamente R$ 9,4 bilhões em vendas em todo o Brasil. 

A data é considerada a segunda melhor em vendas, depois do Natal e supera, pela ordem, o Dia dos Namorados, o Dia dos Pais e o Dia da Criança.

 

Mais notícias e eventos

SINDIVAREJISTA DF

Setor Comercial Sul (SCS)
Quadra 06 Bloco "A" Lote n° 206
Edifício Newton Rossi - 4° Andar

Lojista, como deseja receber nossos informativos?

SINDICATO FILIADO À FECOMÉRCIO