Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns segundos...

sindivarejista-df.png
 
fale-com-o-presidente-do-sindivarejista

Clipping

14
Julho 2017

Recuperação econômica demorada: Quase 200 lojas fecham as portas na capita só no primeiro semestre



O Distrito Federal foi a 13ª unidade da Federação que mais perdeu lojas no comércio varejista com vínculos empregatícios durante o primeiro trimestre de 2017, aponta levantamento divulgado pela Fecomércio-DF. Entre estabelecimentos abertos e fechados, a capital da República apresentou um saldo negativo, com perda de 190 estabelecimentos durante os três primeiros meses do ano. Apesar do número elevado. o índice ainda é menor do que o que foi apurado no mesmo período de 2016.Segundo o presidente da Fecomércio-DF. Aldemir Santana, no mês de maio. o comércio brasiliense registrou crescimento de 3,85% nas vendas.

Ele destaca ainda que o índice de Confiança do Empresário do Comércio do DF cresceu em junho, fixando-se em 107.3 pontos. 0 resultado representa o quarto mês seguido acima da zona de indiferença. que é de 100 pontos.Em entrevista ao Alô, o presidente da Associação Comercial do Distrito Federal (ACDF), Cleber Pires. ressalta que existe uma grande preocupação no que diz respeito aos fechamentos. "Avalio que isso acontece porque falta incentivo, segurança e principalmente a presença do Estado. Temos projetos pilotos para aquela região. São referentes as quadras 510 e 511 sul. O presidente da Câmara de Dirigentes lojistas.

já apresentou ao governador. Mas até agora, nada aconteceu. Assim, clamamos por celeridade no âmbito governamental"".Por outro lado, Marco Aurelio, diretor do Sindicato das Empresas de Contabilidade. tem visão diferente da atual situação. Segundo ele, esses números apresentados podem ser considerados de outra maneira e ressaltou a importância das pessoas analisarem dados de crescimento na economia, elaboradas por entidades como IBGE, FGV, IPEA, etc.""A sensação que temos ao sair não mas e shoppings, vendo várias lojas fechadas, não conseguimos entender essa situação, pois tendemos a raciocinar que, se tem loja fechada não tem emprego/renda.

Quando na verdade vem ocorrendo é, as novas empresas ou as atuais, estão melhorando de alguma forma seus desempenhos e ganhos"".

.

Veja mais

 

 

NOSSA LOCALIZAÇÃO

 

SINDIVAREJISTA DF

Setor Comercial Sul (SCS) Quadra 06
Bloco "A" Lote n° 206
Edifício Newton Rossi - 4° Andar

LINK'S RÁPIDOS

NEWSLETTER

RECEBA NOSSOS BOLETINS POR E-MAIL
SINDICATO FILIADO À FERCOMÉRCIO